Teaser #3: A Ordem da Cobra

0
162

Amaro alisou cuidadosamente o pedaço de papel enrugado que havia sido semienterrado nas areias escaldantes do deserto.

Subitamente, uma sensação fria de pavor invadiu o seu coração como se fosse uma videira venenosa. Ele foi capaz de sentir que aquele olhar agudo e penetrante tinha de alguma forma se estabelecido em seu interior.


[…] isso foi escrito para os mais canalhas
perversos
desprovidos de escrúpulos morais
isso foi escrito para os culpados
para os desgraçados impiedosos que são a
causa de todo o caos

não temos espaço para cavaleiros
brilhantes
para os campeões honrados e gloriosos
que não sabem nada sobre os trovões que
rugem em nossos almas
e a tempestade que envolve nossos
corações

mas ela sabe
ela está te observando

pronta para atacar
sem julgamento nem generosidade
se você não prometer lealdade eterna
sua vida miserável e sua alma negra para a causa dela

lealdade eterna ao poder da Cobra
porque todos somos escarlates por dentro


Que maneira estranha de recrutar assassinos e malandros, Amaro questionou. Como podem aqueles que sabem apenas enganar e mentir serem leais a uma pessoa? Ele leu sobre ela, Scarlet Etzel, a irmã. Ela havia desaparecido com seus seguidores há muito tempo, procurando por artefatos que não deveriam existir. Poderia ser?

Ele balançou sua cabeça. Uma mão trêmula havia rabiscado outra coisa no papel:

* Para aqueles que não gostam de poesia: O Cobra lhes fornecerá riquezas para além dos seus desejos mais selvagens, a cozinha requintada do Chef Luc Venin e o abrigo das paredes intransponíveis da nossa fortaleza. Ela exige nada além da sua total fidelidade.